Reconhecendo um Derrame!

Publicado em 29/12/200501/05/2014 por Bruno Russo

Olha só! Recebi o texto abaixo através do e-mail. Não sei se isso é verdade, mas é bem interessante!

Durante um churrasco uma amiga tropeçou e caiu – ela assegurou a todos que estava muito bem (ofereceram chamar um medico) e que havia apenas tropeçado sobre um tijolo por causa de seus sapatos novos. Eles a limparam e lhe deram um novo prato de comida – enquanto parecia um pouco agitada, aproveitou o resto da noite. O marido dela ligou mais tarde dizendo a todos que sua esposa tinha sido levada ao hospital – ( às 18:00, ela faleceu) ela sofreu um derrame no churrasco – se eles tivessem sabido identificar os sinais do derrame talvez ela estaria conosco hoje.

Presta ATENÇÃO: Leva somente um minuto para ler isto.

Um neurologista diz que se puder chegar a uma vítima de derrame dentro de 3 horas pode reverter  totalmente os efeitos de um derrame… totalmente.

Disse que o truque era ter um derrame reconhecido, diagnosticado e chegar ao paciente dentro de 3 horas, o que é dificil.

RECONHECENDO UM DERRAME

Agradeça o deus para o sentido de lembrar as "3" ! etapas. Leia e aprenda!

Às vezes os sintomas de um derrame são difíceis de identificar.

Infelizmente, a falta da consciência leva ao desastre. A vítima do derrame pode sofrer danos no cérebro quando as pessoas próximas falham em reconhecer os sintomas do derrame.

Agora os medicos dizem que um observador pode reconhecer um derrame fazendo três simples perguntas:

  1. Peça o indivíduo para SORRIR.
  2. Peça que LEVANTEM AMBOS OS BRAÇOS.
  3. Peça que a pessoa FALE uma SENTENÇA SIMPLES (coerentemente ) (i.e..o dia esta ensolarado hoje) se a pessoa tiver problema com algumas destas tarefas, chame um medico imediatamente e descreva os sintomas ao mesmo.

    Após ter descoberto que um grupo de voluntários não médicos poderia identificar a fraqueza facial, a fraqueza do braço e os problemas do discurso, investigadores incitaram o público em geral para aprender as trêsperguntas. Apresentaram suas conclusões na reunião anual da associação americana de derrame fevereiro passado. Difundido o uso deste teste quepoderia resultar no diagnóstico e no tratamento do derrame e impedir os danos cerebrais.

    Se  é verdade ou não? Não posso dizer, mas não custa tentar!

    Esta entrada foi publicada em Textos da WWW com as palavras-chave derrame, www. Adicione o link permanente aos seus favoritos.