Algumas coisas sobre SCRUM

O que é o SCRUM?

É um framework para gerenciamento de projetos e desenvolvimento ágil de software (não é somente para o gerenciamento de software que se pode adotar o SCRUM, entretanto sua adoção é maior nesta área).

É um framework, não uma solução completa! Logo, você deverá adaptá-lo para usar com máxima eficiência.scrum-org-logo

SCRUM baseia-se no desenvolvimento iterativo e incremental, ajudando a guiar o time durante o desenvolvimento do software.

A equipe é o foco e não o processo.

O SCRUM adota uma abordagem empírica (aceita que o problema não pode ser totalmente entendido ou definido, focando na maximização da habilidade da equipe de responder de forma ágil aos desafios emergentes).

O SCRUM possui um conjunto de valores, princípios e práticas que auxiliam a equipe de projeto a entregar produtos ou serviços de valor em um ambiente complexo, instável e desafiador.

Por que adotar o SCRUM?

  1. É objetivo e simples.
  2. Tem uma baixa curva de aprendizado.
  3. Define papéis e responsabilidades de forma clara e consistente.
  4. No entanto, não é um processo previsível. É um processo empírico.
  5. Identifica de forma mais fácil os problemas existentes.

O SCRUM não é um processo previsível, ele não define o que fazer em toda circunstância (Ken Schwaber, 2004).

No SCRUM o desenvolvimento é feito de forma iterativa e incremental. Desta forma, a evolução é constante.

Desenvolvimento Incremental – Adiciona funcionalidades ou partes de maneira incremental. É como adicionar tijolos a um muro. Depois de vários incrementos você tem um grande muro.

Desenvolvimento Iterativo – Constrói-se algo. Depois avalia-se e em seguida faz-se alterações.

Os eventos SCRUM

No SCRUM existem quatro eventos formais que podem ser utilizados para realizar a inspeção e a adaptação:

  1. Reunião de planejamento da sprint;
  2. Reunião diária;
  3. Revisão da sprint;
  4. Retrospectiva da sprint.

O SCRUM em 100 palavras

  • Scrum é um processo ágil que permite manter o foco na entrega do maior valor para o negócio, no menor tempo possível;
  • Isto permite a rápida e contínua inspeção do software em produção;
  • As necessidades do negócio é que determinam as prioridades do desenvolvimento de um sistema. As equipes se auto-organizam para definir a melhor maneira de entregar as funcionalidades de maior prioridade;
  • Entre cada 2 a 4 semanas todos podem ver o real software em produção, decidindo se o mesmo deve ser liberado ou continuar a ser aprimorado por mais uma “Sprint”.

Fonte: http://runningagile.com/2007/12/02/scrum-in-100-words/

No SCRUM temos

3 papéis:

  1. Scrum Master
  2. Dono do Produto (Product Owner)
  3. Time de Desenvolvimento (Development Team)

4 artefatos:

  1. Backlog do Produto (Product Backlog)
  2. Backlog da Sprint (Sprint Backlog)
  3. Incremento (Increment)
  4. Histórias de Usuário (User Stories)

5 eventos:

  1. Sprint
  2. Planejamento da Sprint (Sprint Planning)
  3. Reunião Diária (Daily Scrum)
  4. Revisão da Sprint (Sprint Review)
  5. Retrospectiva da Sprint (Sprint Retrospective)

O Manifesto Ágil

O SCRUM baseia-se no Manifesto Ágil, na qual possui alguns valores.

Valorizamos indivíduos e Interação entre eles, mais que os processos e ferramentas
Valorizamos software em funcionamento, mais que documentação abrangente
Valorizamos colaboração com o cliente, mais que negociação de contratos
Valorizamos responder a mudanças, mais que seguir um plano

Mesmo havendo valor nos itens à direita, valorizamos mais os itens à esquerda.

Estamos descobrindo maneiras melhores de desenvolver software fazendo-o nós mesmos e ajudando outros a fazê-lo. Para maiores informações sobre o Manifesto Ágil e os 12 princípios, acesse: http://manifestoagil.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *